postheadericon Como desviar os pés do caminho do pecado


PROPOSIÇÃO: Encontrar maneiras eficazes de se vencer o pecado.
TEXTO: Romanos 6. 15 – 23.
A lei, a escravidão e a graça.
15. E daí? Havemos de pecar porque não estamos debaixo da lei, e sim da graça? De modo nenhum! 16. Não sabeis que daquele a quem vos ofereceis como servos para obediência, desse mesmo a quem obedeceis sois servos, seja do pecado para a morte ou da obediência para a justiça? 17. Mas graças a Deus porque, outrora, escravos do pecado, contudo, viestes a obedecer de coração à forma de doutrina a que fostes entregues; 18. e, uma vez libertados do pecado, fostes feitos servos da justiça. 19. Falo como homem, por causa da fraqueza da vossa carne. Assim como oferecestes os vossos membros para a escravidão da impureza e da maldade para a maldade, assim oferecei, agora, os vossos membros para servirem à justiça para a santificação. 20. Porque, quando éreis escravos do pecado, estáveis isentos em relação à justiça. 21. Naquele tempo, que resultados colhestes? Somente as coisas de que, agora, vos envergonhais; porque o fim delas é morte. 22. Agora, porém, libertados do pecado, transformados em servos de Deus, tendes o vosso fruto para a santificação e, por fim, a vida eterna; 23. porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor.

INTRODUÇÃO:
O pecado é uma consequência da queda de Adão lá no Éden. A prática do pecado está presente na vida do ser humano, pois infelizmente faz parte de nossa natureza caída, que só irá ser reestabelecida no paraíso eterno da salvação. Sabemos que o pecado e a sua prática são devastadores, destruidores do ser humano, e que o pecado nos afasta de Deus, sendo que a sua paga é a morte, como vimos no texto de Romanos 6. 23. Sabemos também que o diabo usa de artimanhas para nos fazer pecar, pois o seu objetivo é nos arrastar para o inferno e assim, nos condenar a morte eterna juntamente com ele. Porém, há maneiras de vencer o pecado, há maneiras de vencer a satanás e nos mantermos no caminho do SENHOR Jesus. E é sobre isso que falaremos neste momento em nossa mensagem, ou seja, falaremos sobre como podemos desviar os nossos pés do caminho do pecado, e assim, andar em conformidade a vontade de Deus, quem nos conduzirá nesse caminho é o Apóstolo Pedro, através do texto de I Pe. 5. 8 e 9, como veremos a seguir:
Para desviar meus pés do caminho do pecado é preciso:
1º) ANDAR DE MANEIRA SÓBRIA.
"Sede sóbrios”. (I Pedro 5. 8a)
Diante dos ataques do adversário, uma das reações mais naturais é de desânimo e desistência do que se está fazendo, ou do propósito que se está almejando. É comum ver pessoas desanimarem diante dos obstáculos impostos por satanás, como é comum ouvir murmurações por parte dos que estão sendo atacados, e talvez por isso, o Apóstolo Pedro oriente: "Sede sóbrios”. Mas qual a importância de se estar sóbrio neste momento? Muitos por não conhecerem bem o sentido da palavra SOBRIEDADE, acham que estar sóbrio é somente não está alcoolizado ou desorientado por causa de bebida alcoólica. Mas a palavra tem outros sentidos, que se encaixam aqui no nosso objetivo. A orientação do Apóstolo Pedro quanto à sobriedade pode e deve ser entendida por MANTER A CALMA, dominem o homem exterior e o interior de vocês. Tenha temperança, estabilidade, domínio próprio, clareza e determinação moral. O cristão sóbrio é responsável de modo correto por suas prioridades e não se deixa embriagar pelas várias distrações do mundo, ou seja, não se encanta nem se desvia com o pecado, como também, não se desespera com o levantar das lutas diárias. Estar sóbrio é estar moderado, tranquilo de espírito, pronto para enfrentar de cabeça erguida as investida do nosso adversário, sabendo bem como se posicionar, e preparado para rebater e combater a tentações lançadas por satanás. A sobriedade é uma maneira eficaz de desviar os pés do caminho do pecado, evitar a morte espiritual e desfrutar de paz, tranquilidade e alegria no caminhar da vida. Porém, para manter a mente e o coração sóbrio, é preciso manter uma vida de comunhão com Jesus Cristo, meditando diariamente na Palavra, recorrendo diariamente à oração, e mantendo constante comunhão com o Corpo de Cristo que é a Igreja. Saiba, lugares bons, produzem coisas boas, ao mesmo tempo que, lugares ruins, produzem coisas ruins. Então, procure manter sua mente naquilo que é bom, cultive bons hábitos espirituais, desvie seus olhos do mal, e você conseguirá se manter sóbrio quando o inimigo atacar.
Cabeça vazia é oficina do diabo!
Para desviar meus pés do caminho do pecado é preciso:
2º) ANDAR DE MANEIRA VIGILANTE.
“Sede... vigilantes”. (I Pedro 5. 8b)
Outra questão importante de se entender, é que só é derrotado em um ataque, quem está desprevenido, despreparado, com a guarda aberta e a vigia em baixa. Uma coisa é ser atacado, outra coisa bem diferente é ser derrotado! Você pode até perder uma batalha por causa da intensidade e a constância dos ataques, mas só irá perder uma guerra se estiver totalmente sem vigilância. satanás sabe disto, e ataca de várias maneiras para tentar derrubar você. Ora ele investe toda a sua força, ora ele vai agindo aos pouquinhos, mas o que ele quer mesmo é te ver de guarda baixa, despreparado (a), sem vigilância, para daí ele penetrar na sua vida espiritual e te destruir, te arrastando para o inferno. Agora que você sabe disto, você ainda vai dar “mole” pro diabo? Ainda vai deixar de vigiar sabendo que ele te ataca constantemente? Ainda vai dar brechas para que ele entre e faça uma arruaça na sua vida? O cristão sóbrio e sábio, vigia dia e noite, sem cansar, sem vacilar, pois sabe que sua vida é valiosa demais para que se perca, para deixa-la perdida nas mãos do diabo. Por isso então, precisamos reencontrar o caminho da oração, da súplica aos pés do SENHOR, retomar o convívio com a sabedoria da Palavra de Deus, aprendendo em todo o tempo dos santos ensinamentos do SENHOR. Mas vigiar deve ir além destas práticas devocionais, vigiar deve ser uma atitude de analisar nosso modo de viver e de agir, cuidar do que nos atrai para o diabo, cuidar para não buscarmos aquilo que nos faz cair (pornografia, bebidas, más companhias, lugares contaminados pelo pecado – festas do mundo, por exemplo). Devemos vigiar quanto aos limites com comida, bebida, gastos, excesso de palavras ou conversas “fiadas”, vigiar quanto às roupas escandalosas, as palavras desagradáveis, quanto ao sono em excesso e também ao trabalho em excesso, pois tudo que é “demais”, excessivo, faz mal e deve ser combatido. Saiba: se você vigiar por onde anda ou com o que você faz, sua vida será muito mais abençoada e produtiva na presença do SENHOR!
Para desviar meus pés do caminho do pecado é preciso:
3º) ANDAR RESISTINDO FIRMES NA FÉ.
“resisti-lhe firmes na fé...”. (I Pedro 5. 9a)
Resistir firme significa “manter-se firme contra”. Contra quem? Contra um inimigo caluniador, ardiloso, sorrateiro, que vem para roubar, matar e destruir. (Jo; 10.10). Uma das maneiras de resistir ao diabo não é com fórmulas especiais, ou palavras dirigidas a ele, mas permanecendo firme na fé cristã. Isso significa continuar a viver de acordo com a verdade da Palavra de Deus. Na medida em que conhece a sã doutrina e obedece a verdade de Deus, o cristão resiste a satanás. Cabe a cada um de nós exercitar e fortalecer nossa fé, usando-a como arma contra as investidas de satanás. Como já vimos, o inimigo de nossa alma, usa das mais sujas armas e armadilhas para tentar nos destruir, para nos contaminar e nos colocar de joelhos derrotados diante de seu imundo poder. satanás irá tentar sempre nos corromper, tentará minar nossas forças, irá lançar ciladas para nos prender, tudo da forma mais suja, mais devastadora, mais contaminadora possível, sempre para tentar deixar a sua marca em nós. E mesmo que tentemos de alguma maneira escapar ou nos recompor, ainda sim, satanás tentará deixar sua presença em nós, com algum vício, com alguma mania, para poder voltar depois com outros sete espíritos muito piores do que ele, e assim nos arrasar de vez. Então o melhor a fazer é manter-se firme, e não deixa-lo entrar, não deixa-lo colocar as suas garras em nós, e, se por algum motivo cairmos, é preciso nos reconciliarmos totalmente com Deus, por meio de Jesus Cristo, lembrando do que diz I Jo. 1.9, ficando assim totalmente limpos diante do SENHOR. Após isso então, fortalecermos nossa fé, nossa esperança e nossa confiança no SENHOR, e passarmos a manter resistência ao diabo e a suas investidas destruidoras contra nós. Lembre-se, a vida cristã não é um “mar de rosas”, ou seja, enfrentaremos lutas, oposições e obstáculos, mas se mantivermos firme a nossa fé, e também, impormos resistência a satanás e ao seu bando, seremos vencedores em Cristo Jesus. 
CONCLUSÃO:
O diabo tentará nos derrubar, na verdade, ele tentará nos matar espiritualmente por meio do pecado, porém, para o cristão que se mantem SÓBRIO, VIGILANTE e RESITE FIRME NA FÉ, a vitória estará garantida, pelo sacrifício vivo de Jesus, pelo amor que o SENHOR tem por cada um de nós.
Soli Deo Gloria.
Rev. José Ricardo Capelari.

0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget

Você é nosso visitante

Obrigado!

Seguidores

Voltemos ao Evangelho

Diga não a essa atrocidade!

Diga não a essa atrocidade!
Pedofilia é crime!

Afiliado a UBE



Sociedade Calvinista

Bases da Reforma

Bases da Reforma
Valores da liberdade protestante

Dicionário Hebraico

Tradutor Online
Desenvolvido por Alexandre Rossi. Tecnologia do Blogger.

Siga-me no Twitter

Siga-me no Twitter
twitter.com/_capelari

Minha lista de blogs

Vale a pena ler!

  • O Livro mais mal humorado da Bíblia - Ed René Kivitz
  • O discipulado dinâmico - Kuhne
  • Religião, uma bandeira do inferno - Glenio Paranaguá
  • Cruz Credo, o credo da cruz - Glenio Paranaguá
  • Ponha ordem em seu mundo interior - Gordon McDowell
  • Corra com os cavalos - Eugene Peterson
  • Pastoreando a Igreja - Joseph Stowell
  • Liderança em tempos de crise - Charles Swindoll
  • Bíblia Sagrada - Todas edições
  • Revista Ultimato

Click na imagem e ouça a rádio da Igreja Presbiteriana do Brasil

IPB - Rádio & TV

IPB - Rádio & TV
Todas as quartas-feiras pela RTV Canal 10 às 20:00hs para Maringá e região. Click e acesse o conteúdo on line

Conheça a PL 22

NÃO À PL 122